• Portugues
  • English
  • Spanish

Rede de Educação Latinoamericana para o Oceano é a mais nova aliada do trabalho de Educação Ambiental do Projeto Albatroz

Foto Notícias_Rede de

Iniciativa é recente e já conta com a adesão de mais de 190 grupos de 14 países da região

Décadas de experiência em educação ambiental provam que as ações com maior sucesso são aquelas feitas através da união de esforços, e o Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, se empenha para ampliar cada vez mais suas conexões no ramo da educação ambiental marinha. Um exemplo dessa dedicação constante é a recente entrada na Rede de Educação Latinoamericana para o Oceano, ou Relato Océano, que reúne mais de 190 ONGs, biólogos, educadores e apaixonados pela vida marinha para difundir o tema. 

Criada há cerca de um ano por Yolanda Sanchéz e Celeste Kroeger, a rede tem como objetivo principal fortalecer, dar visibilidade e profissionalizar a área de educação marinha, com o objetivo de promover a cultura oceânica na América Latina e também no Caribe. 

Por meio de recursos digitais e das redes sociais, o grupo busca conectar iniciativas, promover a colaboração internacional, criar formas de compartilhar experiências, melhorar práticas e disponibilizar materiais educativos para todos os participantes.

A Rede de Educação Latinoamericana para o Oceano está aberta a todas as pessoas interessadas na educação marinha, desde cientistas até professores, comunicadores, pais e pedagogos. No momento, o grupo está sendo construído em conjunto com a ajuda da validação dos participantes e coordenadores que apóiam o projeto de forma voluntária. 

A coordenadora de educação ambiental do Projeto Albatroz, Cynthia Ranieri, explica que a entrada na rede Relato Océanico vai ajudar a difundir as ações de educação ambiental e marinha da instituição. “Poderemos compartilhar com colegas de toda a América Latina as estratégias e materiais que criamos para sensibilizar crianças e jovens por meio do Programa Albatroz na Escola, Coletivo Jovem Albatroz e, mais recentemente, o Programa Albatroz em Casa”.
Cynthia afirma, ainda, que todos aqueles que quiserem contribuir com a rede podem ajudar respondendo o questionário disponível no site do Relato Océanico (clique aqui), que conta também com uma seção dedicada a diversos conteúdos educativos, como jogos, atividades de pintura, cartilhas, aplicativos para smartphone, artesanatos, vídeos e muito mais.


Leia mais

+ Notícias

CENTRO ALBATRO

Projeto Albatroz dá início à construção de centro ...

Obras no terreno ao lado da Lagoa de Araruama começaram em outubro e devem ser concluídas até o final de 2022O Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, deu ...

26/10/2021 Leia mais
6

Projeto Albatroz leva atividades de educação ambie...

Programação envolveu crianças em contação de histórias e jogos com o tema da conservação marinhaO Instituto Arte no Dique, que envolve crianças e adultos da regi...

30/09/2021 Leia mais

+Projeto
Albatroz

Seja um voluntário

Leia mais