• Portugues
  • English
  • Spanish

Projeto socioambiental doa livros sobre biodiversidade brasileira à escolas municipais de Cabo Frio (RJ)

Design sem nome (4)

Campanha 'Contando e Encantando Histórias' é uma ação voluntária do Projeto Albatroz e da Petrobras para estimular a leitura entre as crianças

Apresentar o mundo dos livros durante a Primeira Infância é importante para instigar a paixão pela leitura, além de ajudar na alfabetização e no desenvolvimento intelectual. Por este motivo, o Projeto Albatroz, o Voluntariado Petrobras e a Secretaria Municipal de Educação de Cabo Frio uniram forças na campanha 'Contando e Encantando Histórias', que arrecadou fundos para a compra e distribuição de kits com livros sobre a temática ambiental para 15 escolas municipais da cidade. A entrega acontecerá em 6 de outubro, a partir das 9 horas, com uma atividade de contação de histórias aos alunos da Escola Municipal João Bessa. No mesmo dia, às 18 horas, haverá uma sessão de contação de histórias virtual ao vivo no YouTube.

A campanha de financiamento coletivo foi lançada oficialmente no Dia Nacional do Livro Infantil, em abril, e arrecadou mais de R$ 4.300 com apoio de 49 pessoas, sendo a maioria funcionários da Petrobras. Os kits de livros incluem títulos como 'Oceano: Mundo Escondido' (Márcia Duarte Companhone), 'Bichionário' (Nilson José Machado) e 'Duda Cata Tudo' (Sheila Kaplan), que envolvem as crianças no tema da biodiversidade e instigam sua curiosidade sobre o oceano, sua conservação e os animais que nele habitam, como baleias, golfinhos, peixes e também, os albatrozes e petréis.

Para apresentar um pouco da vida na água para as crianças da rede municipal de ensino de Cabo Frio, o Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, vai realizar atividades de educação ambiental com a contação 'A História do Oceano Contada por um Albatroz' no dia 6 de outubro. Nela, os alunos vão aprender sobre a biologia do albatroz, seu habitat natural, como interagem com a vida marinha e a importância da conservação do oceano.

No mesmo dia, às 18 horas, a contação de histórias vai acontecer no YouTube do Projeto Albatroz, ao vivo para crianças e adultos de todo o Brasil.

Estímulo à leitura

Para a gerente de educação ambiental do Projeto Albatroz, Cynthia Ranieri, tratar de temas próximos à realidade das crianças da cidade, como é o caso do oceano, das praias e da vida marinha, faz com que elas se identifiquem com os livros e se interessem pelo assunto. 

"Os livros são a porta de entrada para o desenvolvimento do pensamento crítico, para estimular a imaginação e para a sensibilizar sobre temas como a conservação marinha e costeira", explica. "Esta é a fase ideal para apresentar às crianças o oceano e a necessidade de protegê-lo, para que espalhem a mensagem de boas práticas para suas famílias e cresçam compreendendo seu papel para conservação do meio ambiente".

Projeto Albatroz em Cabo Frio (RJ)

O Projeto Albatroz nasceu em Santos (SP) e desde 1990 trabalha pela conservação das espécies de albatrozes e petréis que se alimentam em águas brasileiras. Desde 2014, o Projeto mantém uma base avançada de pesquisa na Universidade Veiga de Almeida (UVA), no campus de Cabo Frio (RJ). Por meio da parceria com o Grupo de Estudos da Pesca (GEPESCA), coordenado pelo Prof. Eduardo Pimenta, foi possível ampliar os estudos do Projeto para o Porto de Cabo Frio, rota de diversas embarcações de pesca de espinhel com a qual albatrozes e petréis interagem e pela qual são capturados. 

Na cidade também são desenvolvidas ações de educação ambiental com os pescadores e público em geral da região. Em 2019, a Prefeitura de Cabo Frio assinou um termo de compromisso cedendo uma área de 18 mil m² de área útil para a construção do Centro Albatroz, em frente à Lagoa de Araruama. O Centro terá como objetivo principal disseminar a educação ambiental marinha para crianças, jovens, educadores, pescadores e turistas de toda a Região dos Lagos. Nele, os visitantes poderão conhecer a biologia e as características dos albatrozes e petréis, grupo de aves mais ameaçadas do planeta. No espaço, também serão realizadas exposições tecnológicas e artísticas, oficinas e atividades socioambientais e culturais para o público.

Atualmente, o Projeto mantém bases nas cidades de Santos (SP), Itajaí e Florianópolis (SC), Itaipava (ES), Rio Grande (RS), Natal (RN) e Cabo Frio (RJ).


Leia mais

+ Notícias

CENTRO ALBATRO

Projeto Albatroz dá início à construção de centro ...

Obras no terreno ao lado da Lagoa de Araruama começaram em outubro e devem ser concluídas até o final de 2022O Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, deu ...

26/10/2021 Leia mais
6

Projeto Albatroz leva atividades de educação ambie...

Programação envolveu crianças em contação de histórias e jogos com o tema da conservação marinhaO Instituto Arte no Dique, que envolve crianças e adultos da regi...

30/09/2021 Leia mais

+Projeto
Albatroz

Seja um voluntário

Leia mais