• Portugues
  • English
  • Spanish

Projeto Albatroz alcança cerca 2 milhões pessoas por mês nas redes sociais

metas nas redes sociais

Estratégia de comunicação entrega conteúdos relevantes para os internautas, explorando os pontos fortes de cada uma delas

Estar nas redes sociais e ter um bom relacionamento com o público é um fator determinante para o sucesso nos tempos da era digital. Ciente disso, o Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, busca manter seu Facebook e Instagram como partes essenciais de sua estratégia de comunicação, desde 2015. Trabalhar com as redes sociais é levar as informações mais técnicas de forma simples, despertando o interesse do público para a causa.

Para isso, a estratégia de redes sociais do Projeto Albatroz aposta no uso de memes, campanhas, vídeos, stories, notícias e outras ferramentas para aproximar o público dessas aves pouco vistas na costa brasileira. No último ano, as redes sociais da instituição registraram um crescimento contínuo, até alcançarem mais de dois milhões de pessoas por mês. Cada rede social tem suas peculiaridades de conteúdos que engajam o público e é necessário adaptar as informações para cada uma delas.

Além disso, o Projeto Albatroz mantém parceria com a Royal Society For The Protection of Birds, Albatross Task Force e British Atlantic Survey no #AlbatrossStories, ação nas redes sociais que acompanha a vida de quatro espécies de albatrozes na ilha Bird, mostrando detalhes do seu cotidiano, o acasalamento, os cuidados com os ovos e o crescimento dos filhotes, até que retornem para os oceanos - onde passam a maior parte da vida.

A analista de redes sociais do Projeto Albatroz, Juliana Justino, explicou o motivo do trabalho nas internet ser tão importante para um projeto de conservação: “as pessoas cuidam daquilo que amam, e só podem amar aquilo que conhecem. Por isso, uma das nossas tarefas é apresentar os albatrozes às pessoas, contar o que são, como vivem e do que se alimentam”.

 

Ações especiais

Em 2020, além da estratégia de comunicação que já vem sendo executada pela equipe, estão previstas duas ações especiais nas redes sociais, que vão engajar instituições e públicos de dentro e fora do Brasil.

A primeira delas é o Dia Mundial do Albatroz, que será comemorado no dia 19 de junho. Criado por iniciativa do Acordo Internacional para a Conservação de Albatrozes e Petréis (ACAP), do qual o Projeto Albatroz faz parte, tem o objetivo de conectar  instituições, pesquisadores e o público geral, sensibilizando o maior número de pessoas possível acerca da preservação destes animais.

No mês seguinte, julho, será a vez de comemorar os 30 anos do Projeto Albatroz. Entre muitas novidades, a hashtag #ProjetoAlbatroz30anos poderá ser usada nas redes sociais para que os seguidores compartilhem fotos, vídeos, memes e memórias com a instituição.

 

Década dos oceanos

A Organização das Nações Unidas (ONU) estabeleceu o período de 2021 a 2030 como a Década dos Oceanos, com o objetivo de ampliar a cooperação internacional em pesquisas para promover a conservação dos mares e a gestão dos recursos naturais de zonas costeiras. 

Cerca de três bilhões de pessoas dependem da biodiversidade costeira e marinha para suas necessidades básicas, como trabalho, pesca, navegação e alimentação. Os mares também são responsáveis por absorver aproximadamente um terço do gás carbônico produzido por humanos. Porém, cientistas ainda não conseguem avaliar consistentemente os efeitos cumulativos das atividades do homem sobre os oceanos, bem como as consequências da poluição, do aquecimento e da acidificação.

Todos podem contribuir para a conservação dos oceanos, seja com a redução do consumo, substituição do plástico por alternativas mais sustentáveis ou também engajando as pessoas para essa mudança. O Projeto Albatroz, além de contribuir com pesquisas científicas e ações de educação ambiental, acredita no poder da comunicação nas redes sociais para salvar os oceanos e sua diversidade única.

 

24254888_1494763010578181_5865242400059959941_o 26678518_1532653280122487_2721561974783249956_o 24796780_1500689123318903_4201950917557010612_n

Leia mais

+ Notícias

noticia

Com colaboração do Projeto Albatroz, ProMEA é lanç...

Programa aponta diretrizes para o trabalho de educação ambiental municipal nos parques e escolas da cidade.Após participar de forma colaborativa das reuniões e d...

27/03/2020 Leia mais
Crédito da foto - Igor Camacho

Atuação do Projeto Albatroz em Cabo Frio gera info...

Com o apoio da Universidade Veiga de Almeida (UVA), e a colaboração voluntária dos pescadores, pesquisadores conseguiram monitorar a captura de aves marinhas pel...

27/03/2020 Leia mais

+Projeto
Albatroz

Seja um voluntário

Leia mais