• Portugues
  • English
  • Spanish

Mutirão de limpeza organizado pelo Projeto Albatroz coleta 89,6 kg de lixo do entorno da Lagoa de Araruama, em Cabo Frio (RJ)

Ação envolveu prefeitura, estudantes universitários, alunos de canoagem, professores e voluntários em área onde será construído o Centro Albatroz

O primeiro centro de visitação e educação ambiental marinha do Projeto Albatroz será construído em uma área cedida pela Prefeitura de Cabo Frio no entorno da Lagoa de Araruama, um local relevante para a conservação marinha e costeira da Região dos Lagos. Por este motivo, o Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, escolheu o ponto para a realização de um mutirão de limpeza especial na manhã deste domingo (19). No total, foram recolhidos 89,6 kg de resíduos, que foram descartados corretamente pela Companhia de Serviços de Cabo Frio (Comsercaf).

A atividade começou na Praia do São Bento, com a saída das canoas para a limpeza do canal de Itajuru, com chegada na área costeira da Lagoa de Araruama, na região de Porto do Carro, onde será construído o Centro Albatroz. Os participantes fizeram o recolhimento dos resíduos, além da separação e pesagem.

Foram recolhidos 89,6 kg de lixo, sendo metade deste total apenas de materiais plásticos como sacolas, embalagens, garrafas, tampas e copos que além de poluir a área da Lagoa de Araruama, também pode ameaçar a vida marinha no local. A ingestão de plástico é hoje uma das principais ameaças à sobrevivência de aves oceânicas como os albatrozes e petréis, além de mamíferos e tartarugas marinhas.

Os resíduos coletados foram recolhidos pela Comsercaf para o descarte adequado. Com o objetivo proteger a área costeira, os participantes também plantaram mudas da árvore aroeira no entorno da lagoa.

"Este foi o primeiro mutirão de limpeza organizado pelo projeto em Cabo Frio, e para nós foi importante envolver nossos parceiros e voluntários na limpeza, educação ambiental e conservação da área do Centro Albatroz, que futuramente será utilizada por toda a comunidade da região", explica Cynthia Ranieri, gerente de educação ambiental do Projeto Albatroz. 

O Projeto Albatroz liderou a iniciativa, que contou com o apoio da Prefeitura de Cabo Frio, Universidade Veiga de Almeida, Projeto Coral Vivo, Projeto Imersão, Escola Montessoriana Maria Flor e escolas de canoagem da região Dayone Rossi, Ohana Loa Va'a, Maikai Hoa, Copava'a e Lokomaikaii. A ação aconteceu no canal de Itajuru, com a participação de voluntários, membros do Projeto Albatroz, parceiros, alunos da Universidade Veiga de Almeida (UVA) e do Coletivo Jovem Albatroz. Este evento fez parte de uma ação coordenada da Rede Biomar, formada pelos projetos Albatroz, Baleia Jubarte, Coral Vivo, Golfinho Rotador e Meros do Brasil, com atividades em diversos pontos do litoral brasileiro em uma grande rede de cooperação por oceanos mais limpos.

O Projeto Albatroz e outros 13 projetos do Programa Petrobras Ambiental fizeram ações de limpeza de praias, rios e mangues em dez estados brasileiros. Ao todo, 43 praias foram contempladas, ao longo de mais de 60 km de litoral, além de 12 km de margens em seis rios importantes em suas regiões. Além de ampliar o conhecimento sobre a origem e o descarte de resíduos, a  participação na campanha do Dia Mundial de Limpeza de Praias e Rios vai contribuir com informações para o Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar, que faz parte de um esforço mundial para a conservação da biodiversidade.

World Clean Up Day 2021

No sábado (18), Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias, o Projeto Albatroz uniu esforços com o Programa Bandeira Azul de Cabo Frio, responsável pelas ações de educação ambiental e conservação da Praia do Peró, e demais parceiros, para o trabalho de coleta de resíduos e replantio de ipomeias no local. No total, foram recolhidos 80 kg de lixo em quatro pontos diferentes de coleta no Peró.

Em Santos (SP), o Projeto Albatroz e o Coletivo Jovem Albatroz participaram de uma ação de limpeza organizada pelos projetos Gremar, Mantas do Brasil, Instituto Mar Azul (IMA), Santos Lixo Zero e Secretaria Municipal do Meio Ambiente. O evento contou com a travessia do canal de Santos pela medalhista olímpica Ana Marcela Cunha.

Já em Ubatuba (SP), a instituição apoiou o mutirão de limpeza organizado pelo Instituto Argonauta, o Aquário de Ubatuba e a Fundação Projeto Tamar nas praias do Itaguá e do Perequê-Açu, com apoio da ONG Gaiato.

9 6 2 3 Design sem nome (3) Design sem nome (2) 5 1

Leia mais

+ Notícias

CENTRO ALBATRO

Projeto Albatroz dá início à construção de centro ...

Obras no terreno ao lado da Lagoa de Araruama começaram em outubro e devem ser concluídas até o final de 2022O Projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, deu ...

26/10/2021 Leia mais
6

Projeto Albatroz leva atividades de educação ambie...

Programação envolveu crianças em contação de histórias e jogos com o tema da conservação marinhaO Instituto Arte no Dique, que envolve crianças e adultos da regi...

30/09/2021 Leia mais

+Projeto
Albatroz

Seja um voluntário

Leia mais