• Portugues
  • English
  • Spanish

Evento apresenta resultados do \'Albatroz na Escola\' em 2012

Cynthia Ranieri, assistente de Educação Ambiental do Projeto, entregando cartilha à escola Padre Leonardo Nunes

 

O Projeto Albatroz apresentou, dia 6, quinta-feira, os resultados do Programa de Educação Ambiental Marinha “Projeto Albatroz na Escola”  para coordenadores e professores da rede pública de ensino de Santos (SP). O evento foi realizado no auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem (Senac).

Em 2012, pela primeira vez, escolas de nível fundamental I da rede pública de Santos tiveram a oportunidade de incluir, em seu planejamento, o tema da biodiversidade marinha, adotando cartilhas de educação ambiental marinha, distribuídas gratuitamente, e a proposta de ações do “Projeto Albatroz na Escola”. Durante a apresentação dos resultados, será feita uma retrospectiva do trabalho concretizado e também o compartilhamento da experiência das escolas com o uso das cartilhas, além da descrição das atividades realizadas.  Haverá também a entrega de certificados e brindes do Albatroz.

As dez escolas que participaram do Projeto “Albatroz na Escola” neste ano tiveram professores capacitados para a aplicação do conteúdo das cartilhas de educação ambiental marinha em sala de aula no decorrer deste semestre letivo. Os docentes também participam de palestras sobre a organização e características dos albatrozes e petréis, aves oceânicas ameaçadas de extinção. 

As cartilhas, elaboradas pelo Projeto Albatroz, são duas: o Livro do Professor e o Livro do Aluno. O primeiro propõe a ampliação de temas marinhos em sala de aula, de forma a explorar questões como a importância da conservação dos oceanos, da pesca, de impactos ambientais e a ainda a relação dos albatrozes e petréis com esses aspectos. Os temas são apresentados em seis capítulos, que incluem sugestões diversas de atividades, além de textos de apoio. Já o “Livro do Aluno” traz uma série de atividades e desenhos para colorir, associados ao conteúdo do “Livro do Professor”.

Na segunda etapa de implantação do Programa na escola, os alunos são envolvidos, participando de jogos e brincadeiras sobre a biodiversidade marinha no “Espaço Albatroz”, montado em cada uma das instituições durante, em média, três dias.

As ações do Projeto Albatroz na Escola foram estabelecidas por meio de termo de cooperação com a Secretaria Municipal de Educação (SEDUC) e da Secretaria de Projetos Especiais (SEPROJE) de Santos. Em 2013, a parceria continua e outras escolas poderão ser incluídas no Programa. A perspectiva é também envolver outras cidades da baixada santista no Programa. O Projeto Albatroz é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Ambiental.

 


Leia mais

+ Notícias

Foto Wisdom

Wisdom, a albatroz mais longeva já registrada, ret...

A albatroz-de-Laysan tem mais de 70 anos. Espécie é uma das mais afetadas pela poluição do oceano e ...

15/12/2022

15/12/2022 Leia mais
Planacap

Reunião anual de monitoria do PLANACAP deu destaqu...

Encontro também contou com a participação de um representante do setor pesqueiro, e traçou planos pa...

13/12/2022

13/12/2022 Leia mais

+Projeto
Albatroz

Seja um voluntário

Leia mais